Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...

24/06/2016

Resenha - Bungou Stray Dogs - Anime


Informações
Nome: Bungou Stray Dogs
Tipo: TV
Episódios: 12
Lançamento: 2016
Estúdio: Bones
Gênero: Ação, Comédia, Mistério, Seinen, Sobrenatural
Duração: 23 min.
Classificação: +17


Sinopse: Atsushi foi expulso de seu orfanato, e agora ele não tem nenhum lugar para ir, além de estar totalmente sem comida. Ele está na beira de um rio, pensando estar à beira de morrer de fome, quando resgata um homem que havia tentado se suicidar. Esse homem é Dazai, ele e seu parceiro Kunikida são membros de uma agência de detetives muito especial. Eles têm poderes sobrenaturais e lidam com casos que são muito perigosos para a polícia ou as forças armadas. Esses detetives estão rastreando um misterioso tigre que apareceu na área recentemente. Esse tigre parece ter uma estranha conexão com Atsushi.


História

A história segue a agência de detetives com poderes sobrenaturais resolvendo diversos casos. Temos casos menores e casos bem grandes, envolvendo a máfia e vilões também com poderes sobrenaturais. Tem bastante ação, o que acho bom, as lutas são bem legais, tem algumas cenas meio gore com bastante sangue e partes de corpos voando por ai... Mas não com tanta frequência. Tem bastante comédia também, haviam cenas super hilárias. É o tipo de anime que mantém um equilibro entre cenas de tensão e cenas engraçadas.

Agência                                             Máfia

O anime tem um conceito interessante que, infelizmente, é referencial (hoje em dia está cada vez mais difícil de fugir das referências), o que significa que você precisa de conhecimento externo para apreciar melhor a obra. Os personagens e seus poderes são inspirados em autores do mundo real, provavelmente isso é algo super legal se você já está familiarizado com o trabalho desses autores, mas como eu não li seus livros e não sei o suficiente sobre eles, toda essa magia me passou despercebida. Caso queira entender melhor, leia um pequeno resumo da biografia dos escritores em quem os personagens do anime são inspirados. Isso facilitará o melhor entendimento do contexto, referências e trocadilhos presentes na obra. Um de nossos blogs parceiros, fez um post explicando bem isso, caso tenha curiosidade, leia aqui.


AVISO: Vai sair a segunda temporada em outubro desse ano! Durante a primeira temporada, o foco era a agência de detetives contra a máfia do porto, mas agora temos um inimigo a mais! A guilda chegou chegando! Estou ansiosa pela nova temporada, parece bem promissora.


Arte

Geralmente gosto bastante dos animes que o estúdio Bones faz, e com esse não foi diferente. A arte a animação são boas, é um anime bem feito e bonito de assistir. Gosto bastante também do design dos personagens, destaque para o cabelo "torto" do Atsushi, acho lindo! Alguns dos poderes também era bem brilhantes e bem animados. E as roupas deles eram meio vintage, não entendo de moda ou roupas em geral, mas elas tinham um ar diferente das modernas.


Músicas

A música da abertura é muito boa, achei fantástica e poderosa, além de combinar com o clima de ação e mistério do anime. Já o encerramento é bem emocionante e muito lindo, excelente!

Abertura:
"Trash Candy" - GRANRODEO

Encerramento:
"Namae wo Yobu yo" - Luck Life


Vale a pena ver?

Eu fico na dúvida se digo "sim" ou "não", pois é um anime bom, mas vai depender do seu gosto, pois não é o tipo de anime que agrada a todos... Deixo a decisão em suas mãos, se leu a resenha e achou interessante, então sim, vale muito a pena ver, mas se sentiu que não vai curtir, não veja. Caso você tenha visto, deixe um comentário contando o que achou! xD


9 comentários:

  1. Pra mim tudo no anime foi bom, com excessão da historia e roteiro. Houveram cenas totalmente sem sentido em que deveria se levar a sério, e tudo acabava com aquele humor (que era legal, porém foi usado exageradamente em cenas onde não deveria haver) que estragava totalmente o clima. Espero realmente que no segundo cour do anime a história e o roteiro fiquem mais interessantes e mais lógicos, pois teve muita coisa aí que não dava ora levar a sério. Aliás, obrigado por recomendar nosso post!

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Concordo com você, mas como eu não levei o anime muito a sério, não me incomodou tanto. Mas é verdade mesmo xD

      Excluir
  2. Eu aqui em dúvida do q assistir e vc me diz q dx por minha conta, como assim? é bom ou n?

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Como disse: é um anime bom, mas vai depender do seu gosto, pois não é o tipo de anime que agrada a todos...

      Excluir
  3. Li este post esperando um "mas" depois dos elogios;
    Sério, eu amei esse anime. Ele não é pra ser o supremo da temporada, mas sim um estilo "novela das 7", acho que o problema das pessoas que foram assisti-lo foi este: expectativas.
    Ele tem um enredo okay, uma trilha sonora e lutas - que o carinha deveria parar de parar (?) - okay também, muito nota 8 que eu dei 10 no mal por que não sou obrigada a me segurar <3
    A única coisa que me decepcionou que eu deveria ter pesquisado antes era se teria continuação, sou meio chata com animes que me obrigam a assistir a segunda temporada c:
    Mas irei acompanha-lo na temporada de encerramento, afinal, trouxa é trouxa.
    Primeira vez aqui, que blog amorzin <3

    ResponderExcluir
  4. Sem duvida. o anime e muito bom, mas e bastante referencial, certamente vai depender do gosto de cada pessoa, ótimo comentário sobre o anime!!!

    ResponderExcluir
  5. BSD certamente se tornou um dos meus animes favoritos da temporada de primavera e no geral também, por mais que seja clichê como ter detetives com poderes (igual Hamatora), protagonista com um passado recente trágico e nomes de ataques (típicos dos shounen battle) a história me interessou (já li o mangá até o cap 34), não esperava muito mas a Bones tá de parabens, fiquei muito feliz em saber que era um anime split-cour <3
    Claro que quem não manja das literatura japonesa não vai entender algumas referências, a obra é estranha em misturar vários livros (ou trechos e nomes tanto deles quanto dos autores) numa história só, muitas vezes os poderes estão relacionados a contos japoneses e o mais legal é que cada um possue uma desvantagem, como por exemplo, o do Dazai que funciona apenas com o toque. Minha curiosidade agora é saber se o protagonista lá vai aprender a controlar seu poder que até então deveria ter sido o foco pelo menos em alguma parte antes da obra acabar (mais 2 volumes publicados e daria pra fazer uma terceira temporada). Pra quem não sabe o mangá ainda tá em andamento com somente 10 volumes.
    O que mais me chateia é saber que quase não tem romance (bem que poderia ter uns yaoi de leves), apenas a breve interação entre uma loli e Atsushi. Um final feliz é o que eu desejo, mesmo se tratando de uma guerra que envolve drama e momentos cômicos no sense.
    Bem, é isso, eu me empolguei, mas é pq eu amei muito esse anime >< quase fiz uma segunda resenha kkkk

    ResponderExcluir
  6. Achei bem legal seu blog vou olhar mais ele vc mesma que faz os gifs ?

    ResponderExcluir